Plataformas de ensino: o avanço da tecnologia na educação

Foto do autor

A pandemia acelerou o processo de transformação digital na educação. Com isso, a necessidade de investir em plataformas de ensino ficou evidente nos últimos anos.

Antes da crise sanitária, a maioria das escolas do Brasil não tinha plataformas de ensino online e grande parte dos estudantes não possuía equipamentos para acompanhar as aulas pela internet, de acordo com a pesquisa TIC Educação 2019.

No entanto, esse cenário precisou ser alterado de forma emergencial após medidas de isolamento social terem sido adotadas. E, mesmo com o retorno de atividades didáticas no presencial após o fim dessas medidas, as tecnologias já fazem parte de escolas, instituições de educação superior e empresas de treinamento corporativo.

Isso porque as tais ferramentas oferecem recursos que vão além de uma simples sala de aula virtual, facilitando o aprendizado e a interação entre os alunos. No entanto, ainda existem muitas dúvidas sobre esse assunto. 

Com o objetivo de responder todas as suas perguntas relacionadas a esse tema, neste artigo, abordaremos os seguintes tópicos:

  • O que são plataformas de ensino?
  • Principais tipos de plataformas educacionais
  • Plataformas para educação 5.0
  • Por que ter uma plataforma própria?
  • Plataformas digitais para treinamento corporativo 

O que são plataformas de ensino?

São ferramentas que oferecem um ambiente digital com características de uma sala de aula presencial, com recursos interativos que transformam uma conferência de vídeo em uma classe virtual.

A plataforma possibilita que alunos e professores interajam e troquem informações, documentos e imagens. Além disso, permite gestão de aprendizado, aplicação de avaliações e supervisão de atividades ao vivo.

O Sistema de Gestão de Aprendizagem, conhecido como LMS (Learning Management System), é um exemplo que merece destaque. 

Ele é, basicamente, um software de gerenciamento de ambientes virtuais de Educação à Distância que ajuda a criar, organizar e fornecer materiais de treinamento online a fim de facilitar a interação entre alunos e professores. 

Além do LMS, também podemos destacar o Acervo Virtual Universitário e as Disciplinas Eletivas para Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs).

De todo modo, existem vários tipos de plataformas online voltadas para Instituições de Ensino Superior (IES), a maior parte foi projetada para funcionar em qualquer dispositivo.

E-book | Vantagens boa internet_V1

Principais tipos de plataformas educacionais 

Geralmente, são classificadas de acordo com sua finalidade de desenvolvimento. Confira abaixo os principais tipos:

Plataformas de ensino digital próprias para IES

As plataformas próprias para IES são desenvolvidas por empresas que já têm conhecimento do mercado e das necessidades das instituições de educação superior. Pode-se dizer que é a opção de menor custo, frente ao alto nível de confiabilidade do sistema e o ótimo suporte que os desenvolvedores normalmente entregam.

Plataformas especificamente desenvolvidas 

Essas plataformas são desenvolvidas especificamente para a instituição de educação superior. Evidentemente, a grande vantagem desse modelo é que será projetado de acordo com as necessidades da IES. Ou seja, cobrirá todos os requisitos acadêmicos e administrativos.

Entretanto, por ser personalizável, esse tipo de projeto possui um custo mais elevado. Ademais, em algum momento, o sistema precisará ser atualizado de modo a integrar e trabalhar com outros sistemas e continuar atendendo da melhor forma possível todas as necessidades da IES. 

Plataformas educacionais de software livre

As plataformas de software livre são criadas por desenvolvedores que liberam o código fonte do projeto, de maneira que além de se tornar livre para instalação, também possa ser usado e modificado sem a necessidade de pagar por uma licença de uso.

O mercado oferece várias opções de plataformas gratuitas que vêm se popularizando com o passar do tempo. Porém, embora sejam eficientes nas suas propostas, com interface de fácil utilização, não têm qualquer tipo de opção de personalização.

LEIA MAIS:  Tecnologia no ensino: 11 ferramentas para a sua escola inovar no retorno às aulas

Plataformas para educação 5.0

As novas plataformas educacionais são frutos do desenvolvimento de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) direcionadas na geração de AVAs.

A plataforma digital 5.0, tem como característica, um ambiente de aprendizagem virtual adaptativo e colaborativo.

Adaptativo porque utiliza algoritmos e inteligência artificial, que são capazes de corrigir diretamente até mesmo questões dissertativas mais complexas. É colaborativo porque é capaz de promover a interação entre os alunos para que estes possam aprender uns com os outros, esclarecendo dúvidas entre si.

Trata-se de uma proposta inovadora, que aplica as técnicas mais avançadas de educação em um meio 100% digital, que coloca o aluno na posição principal do seu próprio processo de aprendizagem.

Soft skills, termo em inglês que designa habilidades socioemocionais e racionais e competências digitais, são exemplos de habilidades e capacidades que estão envolvidas nesse habitat tecnológico.

Ademais, esse novo modelo de ambiente digital aproveita os recursos da tecnologia da informação e Comunicação para que os alunos possam ser capacitados a enfrentar os desafios do futuro por meio de uma educação universal, extensiva e multidisciplinar.

Vantagens das plataformas de ensino

Uma plataforma educacional engloba vários aspectos por meio dos seus recursos, integrados em um único sistema voltado para o gerenciamento do ensino digital. Entre eles podemos destacar:

Flexibilidade

O aluno tem total liberdade de assistir às aulas de onde estiver, sem as limitações tradicionais condicionadas ao espaço das salas de aulas.

Economia

Normalmente oferece um custo reduzido na mensalidade em relação à educação presencial. Ademais, permite ainda que os alunos economizem com alimentação, transporte e materiais didáticos.

Comodidade

Sem dúvida, as plataformas digitais oferecem maior comodidade, pois os estudantes podem acompanhar as classes no ambiente que acharem melhor.

Inovação

As plataformas digitais chegaram para derrubar barreiras, encurtar distâncias e proporcionar uma forma mais atrativa de adquirir conhecimento, seja por meio de vídeos ou conteúdos interativos.

LEIA MAIS: Realidade aumentada na educação é alicerce para um novo modelo de ensino

Por que ter plataforma de ensino própria?

Uma plataforma de aprendizagem própria assegura diversas vantagens para IES. Entre elas podemos destacar:

Maior interação entre os alunos

A utilização da plataforma virtual como ambiente de aprendizagem aumenta a interação entre os alunos. Seja por meio de fóruns ou chats online, ela permite que os estudantes interajam de forma mais diversificada e direta, fora do espaço físico da IES.

Maior controle e redução de custos

Outro ponto em relação aos principais motivos para que uma IES tenha a sua própria plataforma de ensino diz respeito também à saúde financeira da instituição. Afinal, ela é fundamental para o sucesso e manutenção da qualidade educacional. 

Sendo assim, encontrar tecnologias que proporcionem um maior controle e redução dos custos dará condições para novos investimentos. Portanto, ter uma plataforma digital própria também é importante nesse sentido.

Facilidade de acesso aos conteúdos

Os professores da IES podem salvar conteúdos para as disciplinas dentro da plataforma digital de aprendizagem. Dessa maneira, o acesso a esses materiais fica apenas a um clique de distância do aluno.

Além disso, é uma forma de organizar, de maneira mais clara e precisa, quais leituras, mídias e atividades são mais importantes em cada etapa de aprendizado.

Ainda vale citar a disponibilização das bibliotecas virtuais, capazes de democratizar o acesso aos livros para estudantes da IES. Nelas, não há limite de retirada, ao contrário das bibliotecas convencionais.

Complemento ao presencial

Além de possibilitar o pleno desenvolvimento da execução do ensino à distância, as plataformas digitais também podem funcionar como uma forma complementar ao presencial.

Isso quer dizer que os professores têm à disposição ferramentas para trabalhar melhor as metodologias pedagógicas, além de criar canais de comunicação que podem facilitar o andamento do curso e o retorno de possíveis dúvidas dos alunos. 

Melhor qualificação da IES

O somatório de recursos disponíveis em ter uma plataforma virtual de aprendizagem própria, amplia as possibilidades de melhor qualificação da instituição em indicadores regulatórios do MEC/INEP.

Plataformas digitais para treinamento corporativo

Os avanços tecnológicos  em soluções de armazenamento como Cloud Computing e maior conectividade abriram caminho para softwares capazes de facilitar tarefas complicadas e entregar resultados fantásticos. O meio corporativo tende a adotar esses recursos de modo a manter seu capital humano atualizado. 

Essa nova realidade de ensino online contribuiu consideravelmente para que o modelo tradicional de treinamentos corporativos evoluísse com o tempo. 

Afinal, essas ferramentas permitem que os colaboradores tenham acesso aos treinamentos em diferentes dispositivos a qualquer local e hora do dia.

O uso de uma plataforma para possibilitar treinamentos corporativos a distância, traz ótimas vantagens como, por exemplo, a redução de custos, uma vez que neste modelo não há necessidade de se preocupar com espaços físicos, materiais impressos,  infraestrutura  de suporte ou locomoção.

O software é capaz de centralizar todo o treinamento, permitindo ainda que os gestores acompanhem o desenvolvimento de seus colaboradores. Caso se utilize um aplicativo isso pode ser feito na palma das mãos.

Tecnologias para o futuro da educação 

A tecnologia não deve ser vista como algo fatalista que substituirá os professores e tomará seus postos, pelo contrário. A revolução digital é um fenômeno global, e por isso é inevitável que pessoas e empresas a testemunhem em vários âmbitos. 

O que é realmente essencial é a adequação da metodologia de ensino de modo a englobar os meios tecnológicos e usar as ferramentas disponíveis para aperfeiçoar a experiência educacional. Assim, é possível gerar interesse e curiosidade além de facilitar a aplicabilidade e absorção do conteúdo por parte dos alunos. 

Quando o assunto é tecnologia, a Vivo Empresas tem um portfólio completo de soluções para o setor da educação. Não por acaso, em março de 2022, a companhia e o Google For Education uniram esforços visando o objetivo comum de acelerar e popularizar a transformação digital no ensino.

A partir da parceria, as soluções do Google For Education passam a fazer parte do portfólio, incluindo equipamentos, ferramentas e softwares para melhorar a experiência de educação. E a Vivo Empresas, além de oferecer condições exclusivas, se encarrega de todo o suporte técnico que possa ser necessário às instituições.

Gostou do assunto? Aproveite para ler mais nestes artigos, publicados anteriormente:

Até a próxima!

Foto do autor
Solicite um contato