Tecnologia em PMEs: como a digitalização foi acelerada

04/01/2021 às 10:34

Ao longo do ano passado, houve uma grande migração para o mundo digital. As relações pessoais passaram a ser online, os filmes, antes vistos no cinema, foram lançados em serviços de streaming e as aulas, em videoconferências. E o trabalho passou a ser feito em casa. Dentro desse panorama, a inserção da tecnologia em PMEs também foi uma crescente. 

A transformação digital atingiu as pequenas e médias organizações, que precisaram se moldar ao atual período de instabilidade. E, assim, adaptaram suas operações às circunstâncias, para assegurar a continuidade do negócio e atender seus clientes da melhor maneira possível.

Quer saber mais sobre como as tecnologias digitais favoreceram a evolução de diversas empresas, mesmo em meio à crise ? Neste artigo, falaremos sobre:

  • Mudanças repentinas e transformação digital;
  • O que as PMEs ganham ao acompanhar a revolução tecnológica;
  • O impacto da tecnologia em diversos segmentos.

Mudanças repentinas e transformação digital

Nenhum processo de digitalização em uma companhia é simples. Em especial, a aceleração da transição, como 2020 exigiu, pode deixar falhas pelo caminho. Contudo, isso não quer dizer que o calendário apertado seja uma boa justificativa para deixar essas transformações de lado.

Estima-se que 43% das PMEs adotaram novas tecnologias para o home office em 2020
Fonte:
Capterra

Estudo realizado pelo banco britânico HSBC, por sua vez, mostra que 67% das PMEs do Reino Unido esperam que a tecnologia aumente práticas de trabalho flexíveis, fazendo com que ela se torne uma prioridade nos próximos cinco anos.

Vale destacar, contudo, que essa tendência de digitalização em PMEs já existia bem antes de 2020. Em 2019, a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) apontava que as pequenas e médias empresas estavam impulsionando o crescimento de empregos, porém precisavam de mais investimentos em inovação e tecnologia.

Porém, com a mudança de cenário imposta pelo isolamento social, as companhias apostaram ainda mais na tecnologia. De acordo com a consultoria Gartner, 64% das empresas mantiveram a mesma prioridade ou aumentaram o foco nos investimentos em IoT, por exemplo.


LEIA MAIS: 47% das empresas aumentarão investimentos em IoT, afirma Gartner


E-book | Vantagens boa internet_V1

As vantagens da tecnologia em PMEs

No Webinar Como as PMEs podem usar a tecnologia a favor dos seus negócios, promovido pela Vivo Empresas em agosto deste ano, falou-se da importância da inovação em PMEs. Gabriel Formaggio, Gerente de Vendas B2B da companhia, cita como, no início, os líderes de negócios mantinham uma perspectiva negativa perante as incertezas do mercado e, também, como isso se moldou ao longo do tempo.

“ Perguntavam se valia a pena investir em tecnologia, já que não se sabia se suas portas permaneceriam abertas pela crise. Ficou evidente, com o tempo, que as companhias que mais se prepararam foram aquelas que conseguiram se diferenciar nesse período de pandemia.”

Gabriel Formaggio, Gerente de Vendas B2B na Vivo Empresas

A mediadora Adrielle Marchesini, cofundadora da Agência Essence, observou que houve uma mudança  nos modelos de negócio. 

“Há uma ideia de que as empresas preferem investir no negócio do que em tecnologia. Mas, com a pandemia, as coisas se fundiram. Ficou muito claro que a inovação é o que permite o negócio.”

Adrielle Marchesini, cofundadora da Agência Essence

É sempre bom lembrar, contudo, que a aplicação da tecnologia em PMEs não demanda, necessariamente, uma transformação completa dentro da organização. 

A transformação digital pode se iniciar de formas simples, como deixar de guardar documentos de papel e passar a armazenar em Cloud, ou mudar as desktops por notebooks, permitindo a mobilidade do profissional e também realizar as tarefas de forma remota.

Tais inovações, contudo, demandam a aquisição de soluções adequadas ao trabalho remoto, tais como aplicações para videoconferência, soluções de assistência remota e até de softwares operacionais que rodem em nuvem, como o pacote Office.


ASSISTA AO WEBINAR: Como as soluções em nuvem podem resolver alguns dos principais problemas das empresas


Transformação tecnológica em todos os setores

Mesmo em um período turbulento como o atual, diversos pequenos e médios empreendimentos aceleraram suas jornadas de digitalização e fizeram com que implementações tecnológicas, que poderiam durar anos para se concluir, durassem meses.

Abaixo, listamos alguns dos principais impactos e inovações que ajudaram a evolução de diferentes setores:

Educação

As escolas e universidades se esforçaram para proporcionar no ensino remoto  a manutenção do conteúdo de forma similar à oferecida nas aulas presenciais. E a mudança não veio somente nas aulas, mas na orientação dos alunos e na capacitação de seus professores e demais colaboradores, visando sempre à qualidade e à acessibilidade.

Ferramentas colaborativas ocupam papel central para ajudar nesse processo, promovendo a integração entre docentes e discentes distantes fisicamente.

Saúde

Por sua vez, a área de saúde apostou na teleconsulta, não regulamentada no Brasil até 2020. Para isso, necessita-se de recursos, como conectividade e segurança, capazes entregar um atendimento de ponta e confiável para os pacientes Destaca-se ainda, à luz da LGPD, a importância de protege os dados pessoais e informações médicas dos pacientes, especialmente no acesso a prontuários virtuais e aos resultados de exames pela internet.

Varejo

O mesmo ocorre no setor varejista – esse já mais consolidado na internet, mas que não se limita ao e-commerce. Assim, temas como IoT (Internet das Coisas, em inglês) e a segurança de dados, com a preocupação com a aderência à LGPD, já são questões padrão em empresas de todos os tamanhos. 

Com a IoT, é possível conectar dados diversos de negócios e, inclusive, garantir o distanciamento recomendado em lojas físicas. Já a conectividade se mostra essencial no setor, tanto em lojas físicas, quanto virtuais, enquanto a nuvem pode ajudar, com uma maior flexibilidade e capacidade de armazenamento de dados.


ASSISTA AO WEBINAR: Como a tecnologia contribui na inovação de negócios do varejo


Startups

Já as startups são, naturalmente, beneficiárias da tecnologia. Essas empresas costumam se aproveitar de novidades tecnológicas para escalar seus negócios, especialmente por geralmente terem escassez de recursos financeiros. Assim, a tecnologia em nuvem pode ser de grande utilidade para tais empreendimentos, assim como as ferramentas de colaboração e a conectividade. 

Conclusão

Independentemente da pandemia de Covid-19, as mudanças no setor corporativo serão, certamente, permanentes.

As tecnologias previstas para serem implementadas daqui alguns anos se tornaram realidade num piscar de olhos. E é comprovado que a digitalização das organizações traz benefícios não só ao negócio, como a seus clientes e também colaboradores.

Por isso, a Vivo Empresas tem o compromisso de auxiliar organizações que buscam inovar e acelerar o processo de digitalização,  com um portfólio completo de soluções baseadas em tecnologias digitais.

 Para ampliar a produtividade, a velocidade da informação e a cibersegurança da rede corporativa, oferece serviços tradicionais, como Rede Móvel, Voz Fixa e Banda Larga, além de soluções completas de Conectividade e Ferramentas de Colaboração.

De forma complementar, a Vivo Empresas ainda mantem um portfólio abrangente com aplicações em Cloud, Segurança da Informação, TI, locação de Equipamentos de microinformática, Gestão de Tecnologia e IoT.

Quer saber mais sobre inovação? Veja estes artigos que separamos para você:

Compartilhe este conteúdo!

Solicite um contato
campo obrigátório

Enviamos conteúdos do seu interesse para seu e-mail, cancele a qualquer momento.

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio