Qual o impacto da inteligência artificial na educação?

Foto do autor

O uso da inteligência artificial (IA) na educação já é uma realidade e está transformando tanto a gestão quanto a instrução de alunos em diversas partes do mundo. Esse tipo de tecnologia equilibra o conhecimento humano e o artificial, gerando um aprendizado completo e direcionado a cada estudante.

Para esclarecer como a IA pode contribuir com o ensino e apresentar aplicações no ambiente educacional, serão abordados os seguintes tópicos: 

  • Benefícios da IA na educação;
  • Tendências de IA na educação;
  • Tecnologia para o futuro escolar.

O que é IA? 

É a área da computação que desenvolve dispositivos capazes de simular capacidades cognitivas dos seres humanos. Ou seja, habilidades relacionadas à percepção, raciocínio, tomada de decisão etc.

Por meio da análise de dados e padrões, a IA “aprende” essas características e elabora suas próprias percepções, ao ser exposta em diversos ambientes, de acordo com a finalidade de seu desenvolvimento. 

Além disso, também se relaciona com outras áreas tecnológicas. Porém, ao contrário do que muitos pensam, essa inovação não veio para tomar o lugar das pessoas, mas para auxiliar na execução de determinadas atividades.

Webinar | Como manter a privacidade de dados_V1

Benefícios na educação 

Quando aplicada ao ensino, a IA proporciona benefícios para alunos e professores. A seguir, serão apresentados alguns dos principais exemplos.

Personalização do ensino

A possibilidade de personalizar a educação é, sem dúvidas, uma das grandes vantagens dessa tecnologia. Afinal, possibilita que a escola visualize com facilidade quais disciplinas geram mais interesse e quais são as maiores dificuldades dos alunos, por exemplo.

Ou seja, os professores colhem informações importantes que permitem uma personalização do aprendizado de acordo com as necessidades das turmas. Dessa forma, a instituição consegue explorar o potencial máximo dos estudantes de maneira diferenciada, em vez de simplesmente seguir o padrão tradicional de ensino.

Expansão do aprendizado

A IA também ajuda a romper as fronteiras do conhecimento. Afinal, os alunos podem estudar onde e quando quiserem.

Essa inovação ainda possui outras aplicações, como é o caso do letramento digital (capacidade de leitura e escrita em telas de aparelhos eletrônicos) e do uso proficiente de recursos tecnológicos.

Automação de processos burocráticos

A automação de processos burocráticos também é uma das vantagens dessa tecnologia, e mesmo professores podem aproveitar essa facilidade.

Um levantamento realizado em 2020, pela consultoria McKinsey, com educadores dos Estados Unidos, de Singapura, do Reino Unido e do Canadá, apontou que esses profissionais dedicam 50 horas semanais apenas para preparar e aplicar as aulas. No entanto, um pouco mais de um quarto desse tempo (cerca de 13 horas) poderia ser automatizado com o apoio de soluções básicas de IA.

Feedback sobre o ensino

A concessão de feedbacks gerados pela IA sobre o ensino de cada aluno também é um benefício significativo, visto que contribuem muito para o trabalho dos docentes. Nesse processo, o professor tem acesso às dificuldades individuais dos estudantes, sendo capaz de monitorar seu progresso e, ainda, ficar atento ao que precisa ser melhorado, de acordo com os relatórios.

Tendências de IA na educação

Existem variadas formas de aplicar a IA na educação. A seguir, serão descritas as que mais se destacam.

Realidade aumentada

A realidade aumentada (RA) é uma tecnologia que mistura os mundos virtual e real. Ela permite aos alunos visualizarem, em 3D, o conteúdo ensinado, tornando a aula mais dinâmica e interessante. 

Ao posicionar o aparelho de RA sobre um livro, por exemplo, é possível a inclusão digital de imagens que tornarão o processo mais interativo e simples, além de aumentar o engajamento dos alunos.

Computação em nuvem

Por meio da Cloud Computing, os usuários podem armazenar arquivos remotamente e compartilhá-los com outras pessoas que também tenham acesso à internet, em qualquer hora e lugar.

Dessa maneira, é possível realizar trabalhos interativos e colaborativos a distância. Ou seja, os estudantes podem fazer suas tarefas escolares simultaneamente, editar e trocar informações em um mesmo arquivo de forma remota, sem a necessidade de encontros presenciais.

Essa tecnologia também auxilia os professores, que podem corrigir e enviar materiais de onde estiverem.

Tutor inteligente

Outra tendência de IA bastante utilizada é o sistema de tutor inteligente. A ferramenta proporciona um ensino adaptativo individual, aproximando-se do comportamento de um professor humano dentro da sala de aula. Assim, as atividades remotas podem ser executadas com maior precisão, potencializando os resultados da formação.

Esse recurso também é capaz de coletar informações importantes sobre o aluno e criar atividades que estejam de acordo com o seu nível de aprendizagem. Dependendo do sistema, o estudante consegue fazer perguntas ao professor virtual,, que responde de acordo com o banco de dados.

Gamificação

A gamificação é outro método que pode ser aplicado na educação por meio da IA. Essa estratégia busca trazer elementos de jogos — como perguntas, desafios e rankings — para os conteúdos abordados em sala aula, estimulando os alunos a avançarem e superarem cada obstáculo.

A grande vantagem de utilizar essa tecnologia é a capacidade que o sistema tem de entender as dificuldades e as habilidades dos estudantes individualmente, oferecendo atividades alinhadas ao nível de conhecimento de cada um. Desse modo, acaba sendo mais simples manter o interesse dos alunos nas atividades propostas, evitando que fiquem entediados ou desestimulados por causa da dificuldade dos exercícios.

Tecnologia para o futuro escolar

Mesmo com o avanço atual, a implementação da IA no setor ainda está em desenvolvimento. É necessário romper as barreiras da desigualdade para avaliar o real impacto no processo de aprendizagem.

Os resultados iniciais são animadores, mas é preciso que os profissionais da área sigam debatendo o tema e analisando as possibilidades. Até o momento, o consenso é de que a IA pode tornar a educação mais efetiva, mas dependerá da maneira que será implementada.

Dessa forma, o setor pode finalmente avançar na transformação digital, colocando em destaque novos modelos de aprendizado e garantindo o melhor desenvolvimento dos alunos, independentemente de suas condições sociais.

Para isso, além dos melhores serviços de conectividade e do aluguel de equipamentos de microinformática, a Vivo Empresas desenvolveu um portfólio baseado em inovações digitais da nova geração, como Internet das Coisas (IoT), Big Data, armazenamento em nuvem, segurança da informação e ferramentas de colaboração

Quer saber como escalar seu negócio educacional com por meio da implementação de soluções de IA? Continue acompanhando os conteúdos e descubra como a tecnologia ajuda as instituições escolares, do ensino básico ao superior:

Até a próxima!

Foto do autor
Solicite um contato