E-learning: entenda a importância do modelo para os negócios

Foto do autor

Com as constantes mudanças do mercado, é fundamental que os profissionais tenham fácil acesso a programas de treinamento, para atualizar seus conhecimentos e desenvolver novas habilidades. Nesse sentido, muitas empresas têm optado pelo e-learning.

Certamente, a pandemia de covid-19 acelerou essa tendência. Em 2020, 72% das instituições de ensino ofereceram cursos online para atender à demanda dos empregadores. E, atualmente, 71% das escolas estão criando treinamentos digitais com base nas necessidades dos alunos.

Além disso, estima-se que o valor de mercado global do e-learning atinja US$ 336,98 bilhões até o fim de 2026. Para que você saiba mais sobre esse sistema e entenda o papel que ele desempenha nas organizações, neste artigo, abordaremos os seguintes tópicos:

  • O que é e como funciona o e-learning?
  • Diferença entre e-learning e ensino remoto
  • Tipos de e-learning
  • Quais são os benefícios do e-learning para empresas?
  • Os impactos das inovações tecnológicas no e-learning
  • O futuro da aprendizagem

O que é e como funciona o e-learning?

Criança estuda em escola remota e sua mãe está trabalhando em segundo plano

O termo e-learning significa electronic learning (aprendizagem eletrônica, em tradução livre) e se refere a um sistema baseado no ensino formalizado que conta com o suporte de recursos modernos, como softwares e equipamentos. 

Nesse sistema, o ensino pode ser realizado tanto de forma presencial quanto a distância, visto que seu principal componente é a conectividade, caracterizada pelo uso de computadores e internet.

Vale ressaltar que o e-learning também pode ser definido como o compartilhamento de conhecimentos e habilidades para um grande número de pessoas, seja ao mesmo tempo ou em momentos diferentes, acessível em quaisquer lugar e hora.

Prepare seu negócio

Diferença entre e-learning e ensino a distância 

O ensino a distância (EaD) é um conjunto de modalidades de aprendizagem, em que os professores e os alunos podem estar em lugares diferentes. Já o e-learning, como mencionado, é o ensino dentro de um ambiente virtual. 

Portanto, embora seja considerado uma modalidade de EaD, não necessariamente é um sistema remoto — a principal característica é a utilização de recursos eletrônicos. 

Tipos de e-learning

Existem diversos tipos de e-learning, e cada um é mais adequado para determinados ambientes e preferências individuais. Logo, antes de escolher um deles, é preciso avaliar qual funciona melhor para seu objetivo. Conheça, a seguir, os principais.

Fixo

O e-learning fixo é um dos tipos mais tradicionais. Basicamente, é uma estrutura de transmissão de informações, em que todos recebem o mesmo conteúdo, de acordo com a determinação dos professores. 

Ou seja, o sistema é mais rígido. Por isso, é considerado mais adequado para ambientes em que os alunos têm habilidades e horários semelhantes. É o caso das aulas do ensino fundamental, por exemplo.

Adaptativo

Já o e-learning adaptativo, como o nome indica, é mais flexível. Todos os conteúdos distribuídos têm como foco as preferências de aprendizagem de cada pessoa, considerando as habilidades e o desempenho individual. 

Dessa forma, o aluno pode adaptar suas necessidades, fazendo alterações quando se sentir confuso ou promovendo mudanças de acordo com suas metas. Para isso, é preciso ter disciplina e encontrar um bom ritmo de estudos. 

Assíncrono

A principal característica do e-learning assíncrono é que as pessoas estudam em qualquer lugar e no seu próprio tempo, sendo possível, até mesmo, criar materiais, em vez de se fazer avaliações que comprovem sua aprendizagem.

Por exemplo, no lugar de responder a uma extensa prova de múltipla escolha, o aluno pode gravar um vídeo de si mesmo mostrando tudo o que aprendeu ao longo do curso ou treinamento.

Interativo

Já o e-learning interativo é caracterizado pela comunicação livre entre os alunos e os professores, o que possibilita que ambas as partes sugiram ou façam alterações nos materiais de estudo, respectivamente.

Um canal de comunicação aberto promove melhor interação e pode resultar em melhor processo de aprendizagem, sobretudo se surgirem muitas dúvidas ao longo do caminho. 

Individual

O e-learning individual, como é possível deduzir, tem como foco total a independência do aluno. Isto é, não há nenhum tipo de comunicação com colegas ou professores. É somente ele e o material de estudos.

Colaborativo

Por fim, o e-learning colaborativo é totalmente o oposto do individual. Aqui, o foco é o trabalho em equipe, a parceria entre os alunos. Inclusive, a conclusão do curso depende do esforço conjunto de toda a turma.

Independentemente do tipo de aprendizagem que você escolher, é preciso levar em consideração os prós e os contras, de acordo com o seu perfil e a sua disponibilidade de horário.

Caso sua agenda semanal esteja cheia, por exemplo, comprometer-se com um grupo, neste momento, pode não ser a melhor alternativa. Do mesmo modo, se você tiver dificuldades de concentração, provavelmente essa modalidade não seja ideal para você. 

Quais são os benefícios do e-learning para empresas?

A educação é essencial para a evolução de qualquer negócio, e, mais do que nunca, os estudos em ambientes virtuais estão revolucionando as organizações. Com isso, a relação entre o trabalho e a aprendizagem está se fortalecendo, visto que ambos passaram a fazer parte do mesmo ecossistema. 

Dessa forma, promover a educação é uma forma de transformar as companhias como um todo, desde os colaboradores até os clientes. Veja as vantagens que o e-learning traz para as organizações.

Maior lucro

Segundo um estudo da American Society for Training and Development (ASTD), as empresas que investem em e-learning têm margens de lucro 24% melhores e receita 218% maior em relação àquelas que ainda não apostam nesse sistema de aprendizagem.

Mais economia

De acordo com a eLearning Industry, as organizações economizam cerca de 50% ao substituir a educação tradicional pelo e-learning. E essa porcentagem aumenta quando se leva em consideração que esse sistema de aprendizagem reduz o tempo de instrução em até 60%.

Comodidade 

O e-learning traz mais comodidade para os colaboradores, pois um programa de treinamento online pode ser acessado a qualquer hora, em qualquer lugar e de qualquer dispositivo eletrônico, seja um notebook, um smartphone ou um tablet. Com isso, os profissionais conseguem estudar quando têm tempo livre.

Outra vantagem é a personalização. Geralmente, nessas plataformas, os alunos têm a opção de pular os módulos que já dominam ou repetir um tópico que não compreenderam muito bem.

Em relação às empresas, é possível coletar feedbacks rapidamente e receber notificações sobre as alterações mais recentes do sistema. Além disso, o processo de gerenciamento é mais fácil, e a implementação das atualizações é mais simples, realizada, praticamente, de forma automática. Isso é bastante útil nas seguintes situações: 

  • quando a companhia apresenta produtos novos aos funcionários;
  • quando o governo muda as leis e é preciso alertar os profissionais sobre as alterações.

Otimização de tempo 

Ao perceber que os colaboradores precisam ser educados sobre determinado assunto, em vez de buscar instrutores, locais e recursos para a realização de um treinamento presencial, com uma sistema de e-learning, você apenas desenvolve um curso e insere no sistema.

Sustentabilidade

Por fim, as plataformas de aprendizagem virtual também são sustentáveis, visto que eliminam a necessidade de se imprimir intermináveis documentos em folhas de papel todos os dias. 

Além disso, como os usuários não precisam se dirigir até o local onde estudam, a quantidade de gás carbônico liberado na atmosfera também é reduzida, juntamente com o combustível gasto.

É claro que a eletricidade utilizada para alimentar esse sistema também afeta o meio ambiente. No entanto, o impacto ecológico é muito menor em comparação ao ensino tradicional.

Segundo dados divulgados pela eLearning Industry, o e-learning para empresas é 90% mais eficiente em consumo de energia do que os cursos tradicionais e 85% menos poluente quando o assunto é a emissão de gás carbônico.

O impacto das inovações tecnológicas no e-learning

Mulher tendo uma aula virtual

Agora que você já sabe o que é o e-learning, como funciona e conhece os tipos e os benefícios, entenda quais são os impactos da tecnologia sobre esse sistema de aprendizagem.

Aprendizagem baseada no cérebro

Nos últimos tempos, houve uma grande mudança na aprendizagem. Antes, era passiva (centrada no professor), e, hoje, é ativa (centrada no aluno). Um dos principais fatores que influenciaram positivamente essa alteração foi o uso de aplicativos na educação, que ajudaram os alunos a solucionar problemas sem depender de terceiros.

Agora, eles não são mais considerados apenas receptores de conteúdo, cujas responsabilidades se resumiam a escutar o professor ou tirar boas notas. Atualmente, existe um interesse maior pelo processo que envolve o conhecimento.

Instrução diferenciada

Também graças ao desenvolvimento de aplicativos educacionais, houve um aumento na instrução diferenciada. Como cada aluno é único e tem suas próprias necessidades, a abordagem também é diferente.

Além disso, cada pessoa traz consigo um conjunto próprio de prioridades, habilidades, valores e preocupações, portanto, é fundamental oferecer diversos tipos de instrução para um grupo discente. Afinal, não existe um método universal, que atenda a todos os tipos de necessidades ao mesmo tempo.

Multitarefa

A utilização de aplicativos para cursos e treinamentos também contribui para que os alunos melhorem a produtividade, realizando diversas tarefas em um menor período. Isso porque as pessoas já estão adaptadas à mecânica dos dispositivos móveis, o que torna essa função natural.

Os apps também facilitam a comunicação e a pesquisa, permitindo a utilização das habilidades de navegação, adquiridas naturalmente no dia a dia, no processo de aprendizagem no trabalho.

Modelagem virtual

Embora, no sistema de aprendizagem tradicional, os alunos também pudessem apresentar dúvidas ou ideias mais complexas, eles não tinham os recursos e nem o suporte necessário para pesquisá-las de modo mais profundo.

Agora, com as novas tecnologias, como a realidade aumentada ou a realidade virtual, é possível visualizar objetivos e ideias elaboradas com mais facilidade e riqueza de detalhes.

Essas inovações tecnológicas não são valiosas somente para os alunos, mas também para os professores, justamente pelo fato de ilustrarem as ideias de forma interativa e intuitiva, simplificando a aprendizagem.

O futuro da aprendizagem

A procura pelo e-learning está aumentando consideravelmente, e o setor se encontra em expansão, com novos atores ingressando no mercado a todo momento. Dessa forma, podemos afirmar que esse sistema está moldando o futuro do ensino nas empresas.

Obviamente, ainda existem obstáculos a serem superados para a adoção integral da solução, como a disseminação da internet das coisas (IoT) e a implementação de soluções de conectividade nas empresas.

Para implementar essa operação e ter sucesso na sua companhia, conte com a Vivo Empresas. Somos especialistas em ferramentas tecnológicas e oferecemos um portfólio completo em soluções para apoiar o setor educacional, com opções baseadas em cloud computing, IoT, conectividade e muitas outras.

Gostou deste conteúdo? Então, continue lendo nossos artigos sobre a contribuição das inovações tecnológicas para a educação como um todo.

Até a próxima!

Foto do autor
Solicite um contato