Aprenda como medir e melhorar a fidelização de clientes

Foto do autor

A cada dia que passa, o consumidor tem mais ofertas de produtos e mais informação sobre eles. Desse modo, pular de uma marca para outra torna-se um hábito comum. Assim, preocupar-se com a fidelização de clientes se torna fundamental, para que a experiência de venda se repita.

De acordo com os autores Reicheid e Sasser, no artigo Zero-Defections: Quality Comes to Services, um aumento da fidelidade do cliente em 5% pode alavancar os lucros de um negócio em 100%, visto que clientes satisfeitos compram os produtos de uma empresa mais frequentemente e em maior quantidade.

Como melhorar a fidelização de clientes

Os negócios online precisam cada vez mais focar na relação com o consumidor. Desse modo, é preciso ter mente que o concorrente está a apenas um clique de distância, e a compra pode ser perdida facilmente. Por isso, tentar algumas táticas de fidelização de clientes pode ser importante para gerar confiança e construir um relacionamento entre o consumidor e a empresa. Confira algumas dicas:

Programas de fidelidade

Programas de fidelidade, como descontos, pontos cumulativos e outros tipos de promoções, são grandes trunfos para manter um cliente. Segundo a pesquisa global PwC, realizada pela PricewaterhouseCoopers LLP, 71% afirmam que compram com determinadas marcas online por causa de programas como pontos de desconto e outras iniciativas.

Duas moças segurando sacola de compra sorrindo

Conquistar o consumidor faz ele voltar a comprar do seu e-commerce e recomendar a marca para outras pessoas.

Mídias sociais

Além disso, para fidelizar o consumidor é preciso gerar confiança na marca. Redes sociais amigáveis e atualizadas regularmente são ótimos canais para se aproximar do cliente. A pesquisa da PwC mostrou que 51% das pessoas interage com as suas marcas favoritas via rede social.

No Brasil esse número é ainda mais. Conforme estudo We Are Social, divulgado em 2018,
o Brasil tem mais de 66 milhões de consumidores digitais, sendo que 32% deles compram em e-commerce. Desse modo, dentre esses, é possível esperar uma boa taxa de retorno se a marca trabalhar por isso.

Invista no pós-venda

O relacionamento com o consumidor não deve terminar após a compra, é preciso mantê-lo próximo. A maior competitividade no mercado torna o pós-venda um diferencial positivo para a sua empresa. Na internet, é mais fácil compreender o que o cliente busca e construir estratégias para manter a interação com o consumidor depois da venda.

Webinar | Como manter a privacidade de dados_V1

Como medir a fidelização de clientes

feedback do cliente é fundamental para continuar melhorando o negócio e solucionar possíveis problemas no caminho. Para medir a fidelização de clientes, algumas ferramentas já estão disponíveis online.

Além de pesquisas de satisfação presentes nos websites ou via e-mail, novidades chegam à web para melhorar esse levantamento. É o caso a Net Promoter Score, uma métrica de satisfação que mede o quanto os clientes recomendariam a empresa a outras pessoas. Quanto maior a pontuação, maior a confirmação que a empresa está trabalhando na fidelização de clientes.

Outro método eficiente é a pontuação de empenho do cliente. A técnica consiste no seguinte questionamento ao consumidor: “Quanto esforço foi necessário para resolver um problema com a empresa?”. Esse dado mede a experiência real em vez do prazer emocional do cliente.

Por fim, a taxa de retenção de clientes indica quanto tempo o consumidor fica com você. Com um programa de fidelização de clientes, esse índice tende a crescer, e um relacionamento duradouro entre marca e cliente é criado.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.

Foto do autor
Solicite um contato