Saiba como fazer o envio dos produtos vendidos online

Foto do autor

Um dos desafios para quem trabalha com vendas online é garantir a logística necessária para a entrega dos produtos em perfeitas condições e dentro do prazo. Como cada tipo de mercadoria tem as suas peculiaridades, e é preciso oferecer ao comprador variadas alternativas de envio.

Correios têm boas alternativas para envio

Para itens não perecíveis, um dos sistemas mais recomendados é o dos Correios. É possível contar com várias modalidades, cujos preços e prazos dependem do tamanho da encomenda e da pressa do comprador. Além disso, é possível informar ao cliente o código de rastreamento, pelo qual ele poderá acompanhar o andamento da remessa.

Quando as entregas forem na mesma cidade, há alternativas mais rápidas. Como a entrega em veículo próprio, a remessa por motoboy ou ainda por serviço de entrega por bicicleta, por exemplo. Em todas, o envio acontece em prazos menores do que os estipulados pelos Correios. Além disso, há a possibilidade de se transportar itens perecíveis, por exemplo.

Veja por que o envio dos produtos vendidos online é um importante.

Serviço de envio de produtos deve ser bom tanto para o comerciante quanto para o cliente.

Nesses casos, outra vantagem é que, na hora da venda, é possível determinar um valor fixo para o frete, equivalente à taxa cobrada pelos prestadores de serviços. Desse modo,  é necessário que o vendedor saiba como calcular o valor que terá de pagar.

Pagamento digital: qual o melhor sistema para o seu e-commerce?

Assim como os Correios, empresas privadas também oferecem serviços de encomendas para todo o país e até para o Exterior.

A entrega por meio dos Correios exige atenção especial do vendedor, uma vez que há restrições para o envio de produtos. Ou seja, há limite de dimensões (altura, largura e peso da embalagem) e uma lista de itens que não são transportados. Além disso, calculado com base no volume do pacote, o valor do frete também depende do peso e do tipo de transporte.

Formas de envio

O Sedex é forma mais rápida de envio. Em geral, a encomenda costuma chegar entre um e três dias úteis. Com possibilidade de indenização em caso de atraso da entrega.

Há também o Sedex 10, serviço ainda mais ágil (e mais caro), que promete a entrega do produto até as 10 horas da manhã do dia útil seguinte ao da postagem. No entanto, a modalidade não atende a todas as cidades brasileiras. Desse modo, é preciso consultar a lista no site dos Correios.

Por fim, existe o E-Sedex. Disponível para empresas com volume considerável de entregas, o serviço é realizado por meio de um contrato com os Correios. Desse modo, resulta em redução significativa no valor do frete.

O serviço mais econômico é o sistema PAC (Prático, Acessível e Confiável). No entanto, a desvantagem é o maior prazo de entrega em relação aos outros tipos de envio. Um pacote pode levar de três a 10 dias úteis para chegar ao destino.

Webinar | Tendências em tecnologia proteger sua empresa_V1

Motos e bicicletas: agilidade em duas rodas

A entrega por meio de motoboys tem características específicas. Além do envio geral, o entregador também pode levar outros itens perecíveis, com a vantagem do contato direto com o remetente. Ou seja, é possível passar instruções especiais sobre a entrega. O que não ocorre nos Correios ou em outras empresas de transporte de encomendas.

O envio de produtos por meio de bicicletas assemelha-se ao serviço prestado por motoboys. Embora um pouco menos ágeis, entregas feitas de bicicleta podem ser mais baratas. Além disso, certamente são menos danosas ao ambiente, afinal, não há uso de combustíveis fósseis. O que também pode tornar-se um elemento de empatia com o comprador.

Foto do autor
Solicite um contato