Saiba por que a certificação digital é importante para o e-commerce

Foto do autor

As compras em lojas virtuais crescem a cada ano que passa. No entanto, se por um lado as vendas aumentam, a margem para fraudes também cresce. Desse modo, a certificação digital no e-commerce passa a ser fundamental.

A importância da certificação digital para seu negócio online

A certificação digital é importante para garantir a segurança dos dados de seus clientes e consumidores do e-commerce. É chamado de SSL, ou TLS, que significam, respectivamente, Secure Sockets Layer e Transport Layer Security. Nas páginas da internet, é identificado pelo “s” após o “http”, e também pelo cadeado na barra de endereço.

Desse modo, através desse sistema de certificação digital, os dados confidenciais dos clientes que são digitados e trafegados nestes portais são transformados em códigos criptografados. Isso garante a segurança do e-commerce. Além disso, torna as fraudes muito mais difíceis.

O sistema de segurança também passa mais credibilidade ao cliente. Se ele se sentir mais seguro, as chances de finalizar a compra no seu site aumentam consideravelmente.

Entenda porque a certificação digital é mais que uma mera formalidade.

Com o aumento do consumo através de e-commerce, é fundamental garantir a segurança de dados dos clientes.

O consumidor não está disposto a arriscar ter seus dados divulgados e, em função da concorrência cada vez maior, é mais fácil procurar outra loja ao invés de arriscar. Além disso, operadoras de cartão de crédito costumam exigir certificação digital para permitir operações em e-commerce.

Para acrescentar o sistema SSL ou TLS ao seu site, o empreendedor deve procurar empresas que oferecem suporte para a implantação da certificação digital. Os valores variam conforme os níveis dos certificados de segurança contratados.

Conheça os serviços do Vivo Segurança Gerenciada

E-book | Vantagens boa internet_V1

Outros métodos para proteger seu ecommerce de ataques

Além da certificação digital, outros métodos podem ajudar você a prevenir falhas e ataques à segurança do seu e-commerce. Desse modo, no portal CIO, Jennifer Schiff, proprietária do e-commerce Prepster Pineapple, elaborou dicas sobre o tema. Confira 4 delas abaixo.

Tenha uma plataforma de e-commerce segura

Uma plataforma segura passa por uma sofisticada linguagem de programação. Existem muitas disponíveis no mercado, que variam entre compra de código e código aberto. Desse modo, procure a que mais se encaixa com o perfil de seu negócio.

Exija senhas fortes em seus sistemas

Proteja seus clientes com senhas fortes. Ao não permitir a utilização de senhas fracas, você está garantindo que seu cliente participe da segurança do sistema. Combinações de letras e números e senhas maiores são boas dicas.

Mantenha seus funcionários bem treinados

É importante que a empresa de e-commerce mantenha sua equipe bem preparada no que diz respeito à segurança. Ou seja, os funcionários devem estar cientes que jamais devem revelar dados pessoais dos clientes em e-mails ou chats, mesmo que privados.

Use um sistema de alerta para atividades suspeitas

Você pode definir sistema de alerta para atividades suspeitas. Desse modo, quando muitas interações vêm do mesmo IP, por exemplo, você será avisado. Outros tipos de aviso, como muitos pedidos da mesma pessoa, feito por diferentes cartões, também podem ser configurados.

E aí, gostou de saber a importância da certificação digital e das dicas de proteção para seu e-commerce? Além de deixar seu negócio mais seguro, estas garantias passam mais credibilidade da sua marca para o consumidor. Plataformas seguras de e-commerce, senhas fortes e funcionários bem treinados também são importantes.

Foto do autor
Solicite um contato